VINCULAÇÃO PELA LISTA DE GRADUAÇÃO (PRIORIDADE AO TEMPO DE SERVIÇO NA ESCOLA PÚBLICA)

Com vista a uma Vinculação Extraordinária mais justa e contra o Projeto da Portaria de Vinculação Extraordinária que neste momento vigora:

Artigo 2.o

Requisitos para a integração extraordinária

1 — A integração na carreira, mediante concurso, dos docentes ocorre desde que

verificados os seguintes requisitos cumulativos:

a) 4380 dias de tempo de serviço docente;

b) Possuir, à data de abertura do concurso, 5 contratos a termo resolutivo

nos últimos 6 anos escolares, celebrados nos estabelecimentos de ensino

públicos de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário da

rede do Ministério da Educação;

c) Cumprimento dos requisitos previstos no artigo 22o do Estatuto da

Carreira Docente dos Educadores de Infância e dos Professores dos Ensinos

Básico e Secundário;

2 — O requisito exigido na alínea a) do número anterior é contabilizado até 31 de

agosto de 2016.

3 — Para efeitos do disposto na alínea b) do n.o 1, apenas será contabilizado um

contrato por ano, sem prejuízo da sua duração e tipologia, à exceção do ano escolar

2016/2017 que terá de corresponder a um horário anual e completo, obtido

mediante colocação.

 

A favor de uma Vinculação Extraordinária transparente, com recurso à Lista de Graduação, que dê prioridade ao tempo de serviço prestado na Escola Pública, para que não decorram injustiças de colegas menos graduados serem vinculados simplesmente porque apresentam as condiçoes de ingresso apenas baseadas na contagem de tempo de serviço e tipo de contratos. 

É tempo de dizer BASTA à injustiça!! É tempo de dizer BASTA às Normas Travão promotoras da incompetência!!

A maior justiça está na LISTA DE GRADUAÇÃO!!!!


Professores Contratados    Contactar o autor da petição


OU

O seu endereço de "email" não será publicado no nosso "site". Contudo, o autor da petição terá acesso a toda a informação que fornecer neste formulário.

Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua assinatura. Verifique a sua caixa de entrada (e a pasta de spam)
Facebook